A comunicação empresarial deve produzir e direcionar seu conteúdo

No mundo virtual, as redes sociais estão cada vez mais pautando as mídias tradicionais. Facebook e Twitter trabalham como um grande boca a boca entre bits e bytes. Se gosto, tenho a possibilidade de curtir e ainda compartilhar o conteúdo para que os meus amigos também tenham a oportunidade de conhecer o que encontrei. Nesse caso, a divulgação se multiplica a cada clique.

Porém, o que as pessoas desejam? Elas desejam informação. Dados sobre aquela empresa ou pessoa. Opiniões. Novidades. O que é diferente. O grande diferencial é produzir o seu conteúdo. De forma qualificada e simples, mas com o conteúdo correto. E mais: a todo instante. Hoje, cada vez mais, as pessoas estão exigentes. É necessário que a informação alcance a todos e a todo o momento.

As redes sociais são uma excelente ferramenta de comunicação, quando utilizada de forma adequada e por profissionais capacitados para a produção das notícias. Mas, afinal, para que serve isso? Simples: para fortalecer a imagem institucional. O que não é tarefa fácil. É um trabalho estratégico, mas com grandes resultados. Assim como utilizar a assessoria de imprensa para complementar as redes. Expor as principais atividades aos veículos de comunicação merece um criterioso processo, direcionando os fatos relevantes às mídias corretas.

É preciso que a empresa se posicione e divulgue sua opinião sobre os fatos. Seu público quer e merece, tanto o interno (colaboradores e fornecedores) como o externo (sociedade). Para isso, uma comunicação dirigida se torna uma poderosa ferramenta de marketing e relacionamento para as organizações fortalecerem a sua marca e imagem institucional junto aos seus diversos públicos.

Para ser estratégica e eficaz, ela identifica as ações ideais aos propósitos do assessorado, criando um ambiente participativo que favoreça a gestão dos processos de mudança, quantificando o impacto das iniciativas comunicacionais. Os resultados? Personificar uma identidade de empresa colaborativa, orientada aos principais clientes: funcionários, fornecedores, consumidores e sociedade. Então, deseja produzir uma comunicação efetiva e de qualidade?

Por Fernanda Rosito, jornalista especializada em comunicação corporativa. Diretora da FR Comunicação.

Raíssa Borges

Raíssa Borges

Estagiária de redação e social media, ufa! Biografia em construção :)


Deixe seu Comentário